Datura Noir, Serge Lutens

Imagem

Serge Lutens nasceu na França em 1942, começou seu aprendizado como hair stylist em Lille, onde também começou a trabalhar com cosméticos e fotografia. Mudou-se para Paris em 1960 para trabalhar como maquiador na revista Vogue. Ele trabalhou com os principais fotógrafos e modelos do período, e em 1967, Lutens foi contratado por Christian Dior para a produção de uma linha de cosméticos.Atuou na empresa de cosméticos japonesa Shiseido. A parceria com a Shiseido foi bem sucedida, e Lutens projetava embalagens e cosméticos, bem como fotografava anúncios premiados para a marca. Trabalhar na Shiseido deu a Lutens o seu início na indústria de perfumes em 1982, quando encomendou uma fragrância dele, Nombre Noir. Lutens e Shiseido tiveram parceria em outra fragrância  em 1992, o Feminité du Bois. Lutens também projetou e conceituada e luxuosa ‘Les Salons du Palais Royal’*, para a comercialização exclusiva da Shiseido e Lutens perfumes.

Lutens iniciou sua própria empresa, Parfums – Beaute Serge Lutens em 2000. Lutens cria seus perfumes em estreita colaboração com a perfumista Christopher Sheldrake.Serge Lutens é um exemplo de ‘perfumaria de nicho’ bem sucedida e de qualidade ímpar!
Faz pouco que comecei a me aventurar com a dita ‘perfumaria de nicho’. Serge Lutens, claro, foi uma das minhas primeiras apostas!
Datura. Também chamada de trombeteira, é altamente tóxica, enteógena, citada no livro ‘A Erva do Diabo’, de Carlos Castanheda.
Confesso que comprei o Datura Noir às cegas, como faço grande parte das vezes. Olho as notas olfativas, tento (tento!) imaginar o perfume e voilá! BANG! Atiro!
Tem algumas árvores de datura aqui perto de casa, o aroma é de fato inebriante e exótico! A questão é que nas notas olfativas do perfume não consta datura… Mas ok, vamos arriscar, vai que o resultado trás algo da tóxica flor!
Segundo o prórpio Serge Lutens, sobre o Datura Noir:
“Como um rastro de fumaça diabólica deixado por Satanás no Paraíso.
Alguns dizem que esta fragrância vai encantar você, outros que ele vai te deixar louco. Outros ainda que a exposição excessiva irá matá-lo”.
E ainda: tem notas gourmands! Tá bom né? Com ou sem datura nas notas, manda aí um desses!
E que surpresa boa! Lindíssimo perfume de flor branca doce da baunilha, da cumarina, do coco e do heliotrópio! Abre com tuberosas brilhantes, como de emitissem luz fluorescente! Tuberosas bailarinas, dançando em meio a notas gustativas, depois esfumaçadas!
Perfume mutante! A cada hora nota-se uma sutileza diferente, um aroma fugaz ou vigoroso! Teve hora que a tuberosa saiu de cena, deixou espaço para a amêndoa, outras horas a rainha é a fava-tonka, em outros momentos sente-se um leve aroma cítrico-cremoso! Não sei se ele tem de fato notas de saída, coração, fundo! Ele é multifacetado, brinca com os sentidos e inebria, cada hora de um jeito!
O coco (que era meu grande medo, não sou muito fã da nota), não é nada ‘tropical’, é cremoso, leitoso, nada doce. É coco ralado fresco, daqueles de feira livre, sabe?
A semelhança com a datura deve estar lá no começo, uma flor ‘mal falada’ que se faz se inocente, mas é puro veneno! Deve ser metafórica…
Notas oficiais: tuberosa, coco, fava-tonka, amêndoa, flor de limoeiro, mandarina, almíscar, osmanthus, heliotrópio, mirra, baunilha, damasco. Criado em 2001 porChristopher Sheldrake.

Serge Lutens, seu feiticeiro! Essa sua cara de vampiro esconde a alma de um alquimista, que vende poções disfarçadas em frascos de perfume…

A propósito, tenho esse tipo de Datura em casa, em um vaso. Volta e meia ela dá flores! Assim que acontecer coloco uma foto aqui!

Anúncios

11 comentários sobre “Datura Noir, Serge Lutens

  1. Olá Diana, Tudo bem? vi a possibilidade de comprar um Datura Noir, porém assim como você tbm não conhecia a fragrância … Rsrsrs! Buscando informações sobre o perfume na internet foi que achei seu Blog, e a propósito já estou viciado… Parabéns pelo site!!! Enfim gostei da sua resenha e resolvi arriscar… O perfume chegou ontem, e só posso dizer uma coisa…. M.A.R.A.V.I.L.H.O.S.O!!! Perfume incrivel, ainda estou testando mas de início senti um floral branco Goumand muito bom… Senti bastante coco e baunilha, mas nada enjoativo e sim um doce rico e Bem equilibrado, e o Floral dele é perfeito! Enfim obrigado pela resenha pois foi através dela que criei coragem de comprar essa MARAVILHA de perfume!!!! Bjao

  2. Diana, eu tinha uma amostra dele enviada pela Andrea e estava morrendo de medo de provar, pois sabia que iria morrer de amores. E foi exatamente o que aconteceu. Corri aqui e depois de ler sua resenha, vou ter que possuí-lo. Só não sei como. Valha-me ,Deus!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s