O Blog em 2015!

Agradeço a todos que acompanharam o blog em 2015 e convido a continuarem por aqui em 2016!

Que o Ano Novo nos traga a oportunidade de realizar tudo o que precisamos e desejamos, que seja rico de amor, saúde, paz, amizade…

Que as pessoas sejam melhores, que a guerra seja esquecida, que a natureza seja respeitada, que a corrupção seja punida e eliminada.

Que tenhamos dinheiro para realizar sonhos!

Que 2016 seja um arraso!

https://aloucadosperfumes.com/2015/annual-report/

 

Anúncios

Feliz Natal pra vocês!

Amigas e amigos leitores do blog, desejo a vocês um Natal iluminado e perfumado! Perfume de amor, de amizade, de esperança, de conquistas, da fé em dias melhores!

Ah sim claro, tomara que vocês ganhem muitos cheirosos de presente das pessoas queridas (das que estão presentes de corpo ou de alma)!

Um Feliz Natal para todos nós!

11953273_881947535233476_203958278120076922_n

Pretty Blue, Avon

 

 

Ai ai, Pretty Blue, como você me faz lembrar da época adolescente, quando eu não tinha grana para comprar um Thaty e isso me fez amar você…

Me faz lembrar um amigo que já se foi e que dizia que ‘Pretty Blue’ seria um bom nome para um blues.

Me faz lembrar do dia que meu marido (na época namorado), escreveu ‘Fabio’ cima do frasquinho na revistinha da Avon de uma colega que estudava com a gente, na intenção de me agradar, pois eu havia dito que gostava.

Quanta coisa boa você me faz lembrar, Pretty Blue!

E aí essa semana fui até uma dessas lojas da Avon de pronta entrega que tem aos montes aqui no centro de SP. Fui procurar uma dessas águas pós banho mesmo, pra ver se melhora a vida nesses dias de temperatura infernal. E te reencontrei, Pretty Blue! Olha só, você trocou de roupa! Na última vez que te vi sua embalagem era outra, velho amigo!

E comprei feliz um frascão de 300ml. Se tivesse de 2 litros teria comprado.

O ruim é que você está mais fraquinho né Pretty? Aguadinho que só, mal dura na pele 1 horinha. Mas tá bom, vale o reencontro, vale a sensação de conforto que você me trás. Vale lembrar e matar a saudade.

Não sei quais as notas olfativas da colônia, mas eu arriscaria em falar de lavanda, notas herbais, notas florais e almíscar.

Te amo pra sempre, Azul Bonito!

 

 

 

 

True Love, Elizabeth Arden

 

Há muito tempo atrás, eu e uma queridíssima amiga brigamos. Como forma de reparação, ela me deu um frasco do True Love. Nunca me esqueci.

Não faz muito tempo que me deparei com tal perfume em um desapego, e comprei baseado na lembrança de tão precioso presente vindo de uma pessoa tão especial.

E que reencontro feliz! O ‘Amor Verdadeiro’ vem em caixa branca, letras douradas e alianças entrelaçadas! Parece convite de casamento!

E é sim um perfume amoroso, terno, acolhedor. Amor puro e equilibrado, sem arroubos ciumentos, maduro!

Começa com notas lactônicas de pêssegos e damascos misturados a um primaveril cheiro ‘verde’, aquela coisa matinal, de folhas verdejantes orvalhadas.

Logo True Love vira um floral delicado com pinta ‘vintage’. Jacintos, lírios, rosas, jasmins, heliotrópio e íris. Aliás a íris e o heliotrópio formam uma dupla mimosa! Delicados que só, me fazem pensar em talco e pó-de-arroz. E as vezes em produtos de bebê.

Depois de muitas horas o reino das flores e da íris é visitado pelo sândalo cremoso e leitoso e pelas notas ambarinas e abaunilhadas adocicadas. E cada minuto que passa True Love é mais e mais acolhedor e acariciante.

Dá vontade de abraçar! Como não amar o True Love? Ele irradia amor e ternura. Aposto que o Cupido embebe suas flechas em tal perfume antes do disparo fatal…

Criado em 1994 por Sophia Grojsman, suas notas olfativas oficiais são:

Notas de saída: damasco, notas verdes, frésia, pêssego.

Notas de coração: íris, raiz de íris, jasmim, heliotrópio, lírio, rosa.

 

 

 

 

 

 

Glamour Amour, O Boticário

Então, adquiri o Glamour Amour (que foi uma edição limitada lançada para a campanha do Dia das Mães de 2015) na excepcional promoção da Black Friday do Boticário. Que seja assim todos os anos, promoção de verdade, variedade e entrega rápida. Parabéns Boti!

Voltando ao perfume! Glamour Amour tem uma bonita apresentação, embora a qualidade das pérolas da ‘pulseira’ que envolve o frasco seja ruim. A caixa também é bem frágil, amassa por qualquer coisa. Mais fina que caixa de remédio e estampagem de cartão de Natal barato…

Glamour Amour em um primeiro momento exala loucamente, é intenso e promete ser um perfumão! E é bom sim, de fato! Mas depois de meia hora a projeção diminui consideravelmente. No total ele durou na minha pele por umas 4 horas.

Começa com frutas madurinhas, flores frescas e uma deliciosa e inconfundível nota incensada que se faz presente o tempo todo! Encontrei aqui cítricos de sumo doce, pêssego, maracujá. O bouquet floral é fresco, luminoso. Me faz pensar em corredor de igreja/salão de festas decorado para um casamento!

Logo surge uma nuance amadeirada que torna a mirra mais adocicada e uma nota mais picante e profunda. Coisas do patchouli, esse feiticeiro!

As notas finais de Glamour Amour são mais doces, mas nada gourmands. Tem ali baunilha, almíscar, âmbar, mirra fumacenta e sândalo cremoso!

Pena que foi uma edição limitada. O Boticário tem que parar com isso! Coisa boa é pra ficar no catálogo pra sempre, Boti, vai por mim!

Notas de saída: tangerina, magnólia, pêssego, frésia, lírio e bergamota.

Notas de coração: patchouli ou oriza, lírio, rosa damascena, cedro.

Notas de fundo: baunilha, sândalo, caramelo, benjoin, âmbar e almíscar.

 

 

 

Art Deco e Perfumaria

Aloucadosperfumes está gripada. Nariz entupido. Sendo assim, nada de resenhas novas né?

Mas não vamos deixar de falar em perfumes, nossos queridos! E ainda mais queridos quando cruzam a fronteira de outras artes. Hoje falamos da influência do movimento Art déco nos perfumes das décadas de 20 e 30, mais precisamente das propagandas de tais perfumes.

Antes de tudo, o que foi o movimento Art déco?

Art déco, termo que deriva da língua francesa e nasce da expressão arts décoratifs – designa uma escola de natureza internacional que marca, no período que vai de 1925 até 1939, movimentos como a decoração, a arquitetura, o design interior e o desenho industrial, bem como a moda, as artes plásticas e gráficas, além do cinema, nos quais ela tem suas fontes principais.

Esta forma de expressão começa a ganhar forma e significação a partir da Exposição Internacional de Artes Decorativas e Industriais Modernas, que tem lugar em Paris no ano de 1925. Ela está enraizada especialmente na escola conhecida como Art Nouveau, que trabalha mais com as linhas onduladas e sem simetria, baseando-se em formatos vegetais e em adornos com motivos florais. Ao contrário desta arte, porém, a Art Déco se vale de linhas retas ou esféricas, das figuras geométricas e do desenho de natureza abstrata.

Para quem acompanha a série American Horror Story, o Hotel Cortez, cenário da atual temporada, é exemplo da arquitetura e decoração do estilo.

Características principais:

– Linhas circulares ou retas estilizadas;

– Uso de formas geométricas;

– Design abstrato;

– Formas femininas e animais são as mais trabalhadas;

– Influências do construtivismo, futurismo e cubismo;

– Presença marcante na Arquitetura.

E nos perfumes? Rendeu belíssimos frascos e propagandas! Vamos ver algumas delas?

   

   

   

    

   

   

 

Fontes: http://www.infoescola.com/movimentos-artisticos/art-deco/

http://www.suapesquisa.com/artesliteratura/art_deco.htm