Vetiver (Vetiveria zizanioides)


Vetiver (Vetiveria zizanioides) é uma gramínea perene, de altura de 50-80 cm. As raízes têm propriedades aromáticas e crescem até 2m de profundidade. A raiz é a fonte de óleo essencial. Também é conhecido por capim-vetiver, capim-de-cheiro, grama-cheirosa, grama-das-índias, falso-patchouli ou raiz-de-cheiro.

É resistente a praticamente todo tipo de solo, inclusive pobres e contaminados, tolera temperaturas de -10°C e +50°c e pHs do solo de 3 a 12. Tolera índice de pluviosidade (chuvas) de 300mm a 5000mm/ano, isto é, da seca ao alagamento.  Rebrota após queimadas, alagamentos ou soterramentos. Não possui sementes férteis, por isso não se alastra. O plantio é feito através de mudas. Incrível não?

O Vetiver é nativo do sul da Índia, Indonésia e Sri Lanka. Também é cultivada nas Filipinas, Ilhas Comores, Japão, África Ocidental e América do Sul.

O óleo de vetiver é obtido por destilação a vapor a partir das raízes.

O plantio de cordões do vetiver tem se mostrado eficiente na conservação do solo e da água em varias regiões do mundo, devido a elevada resistência ao arrancamento pelas enxurradas, característica proporcionada pelo seu extenso e resistente sistema radicular, que estabiliza a planta e agrega o solo. Em virtude de seu rápido crescimento se forma rapidamente densas touceiras que criam barreiras às enxurradas.

O Vetiver tem uma longa e rica história. Na Índia é usado para fazer cortinas, tapetes, cestarias que quando polvilhadas com água emitem aroma. Em Java, a raiz tem sido usada há séculos para tecer tapetes e cabanas. A raiz do vetiver é usada na magia popular por sua suposta capacidade de proporcionar segurança e aumentar os recursos financeiros e proteger a pessoa das energias negativas.

No mercado mundial, a demanda por óleo de vetiver é grande devido ao seu odor único, e é utilizado nas indústrias de sabor e aroma. Além disso, não ele pode ser reproduzido sinteticamente.

Puro óleo de raiz de vetiver (Khus), é conhecido no comércio como “Ruh-Khus. Óleo de vetiver é a base do perfume indiano ‘Majmua’ e é o ingrediente principal em cerca de 36% de todos os perfumes ocidentais (por exemplo, Caleche, Chanel No. 5, Dioressence, Opium) e em 20% das fragrâncias masculinas.

A sua composição química complexa e odor do óleo, a alta solubilidade em álcool que melhora a sua miscibilidade com os demais materiais, faz com que seja um recurso único na perfumaria para o qual nenhum substituto sintético está ainda disponível. Seus compostos são o vetiverol, e a partir dele é produzido o acetato de vetiveryl. São frequentemente usadas em fragrâncias chypre, fougére, orientais florais e composições florais aldeídicas.

Além de suas aplicações diretas de perfumaria, o óleo de vetiver em sua forma diluída é amplamente utilizado em loções pós-barba, aromatizadores de ambiente, artigos de banho, xaropes, aromatizantes alimentícios, sorvetes, cosméticos e conservação de alimentos. No oriente ainda é usado em bebidas, gomas de mascar, fumos e incensos.

Algumas das características do vetiver fazem desta planta um excelente meio de controlar a erosão nos climas mais quentes. Ao contrário das outras ervas, o vetiver não ganha raízes horizontais, crescendo estas quase exclusivamente na direção vertical, para baixo. O plantio de cordões do vetiver tem se mostrado eficiente na conservação do solo e da água em várias regiões do mundo, devido a elevada resistência ao arrancamento pelas enxurradas, característica proporcionada pelo seu extenso e resistente sistema radicular, que estabiliza a planta e agrega o solo. Em virtude de seu rápido crescimento se forma rapidamente densas touceiras que criam barreiras naturais.

Fontes:

http://www.vetiver.com.br/#!

http://www.fragrantica.com/notes/Vetiver-2.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s