Lapidus Por Homme, Ted Lapidus

Eis uma bomba! Lapidus foi lançado em 1987 (ah, os anos 80 e seus perfumes explosivos…) e o nariz responsável por ele é Martin Gras.

Ele faz a linha ‘ame ou deixe-o’ (eu amo), é praticamente impossível de ser usado no calor, apenas uma gotinha te deixa perfumado o dia inteiro! Consigo imaginar uma paisagem europeia invernal, urbana, uma rua com lojas de artigos para o frio (couros, casacos, luvas), um pub e uma charutaria/confraria, onde os homens se reúnem para degustar os mais exóticos tabacos e beber cerveja escura, conhaque, whisky!

Lapidus Pour Homme abre com notas herbais ora amargas, ora doces, ora balsâmicas. Tem algo frutal, mas é fruta em calda, com açúcar mascavo ou mel. Logo ganha profusão de notas especiadas, florais intensas e incensadas. Tudo em Lapidus é exagerado, é profuso, é ‘aparecido’! Sua fixação é eterna e as notas de fundo são doces, melífluas, leitosas. Lá no finalzinho deixa escapar uma masculinidade segura e com toques de ‘bon-vivant’! Acho que esse perfume tem a cara do Sherlock Holmes vivido pelo Robert Downey Jr.: intenso, cínico, impulsivo. Não despreza os tradicionais prazeres, como um bom cachimbo e um brandy, mas adora explorar e descobrir novas possibilidades.

Aliás, algo interessante: o tabaco é uma nota bem presente no Lapidus, e me lembra de um tabaco aromático que meu marido compra: do tipo black cavendish…

Notas de saída: artemísia, abacaxi, manjericão, bergamota, limão, lavanda, zimbro.

Notas de coração: mel, alcarávia, jasmim, pinheiro, petitgrain, lírio-do-vale, rosa, pau-rosa (brazilian rosewood), incenso, raiz de íris.

Notas de fundo: sândalo, fava-tonka, âmbar, patchoili, almíscar, musgo-de-carvalho, cedro, tabaco.

Recomendo experimentá-lo antes de comprar, pois não agrada a todos olfatos. Perfeitamente compartilhável, eu o colocaria no mesmo ‘balaio’ que o Joop! Homme, de Joop! e o One Man Show, de Jacques Bogart.

Para os fortes!

Anúncios

9 comentários sobre “Lapidus Por Homme, Ted Lapidus

  1. Bons tempos em que os perfumes masculinos tinham cheiro de macho!Comprei pro meu marido o fantástico Black Soul Imperial também de Lapidus e é um perfume extremamente marcante ,muito sedutor,exalando masculinidade.Eu piro!

  2. Perfume do meu pai, que faz a linha “baixinho e invocado”, e usa desde sempre, sem parcimônia e sem dó do nariz alheio! Mas que coisa boa, que dura tanto e deixa tudo em volta perfumado – seria um Midas dos perfumes?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s