Lembranças Perfumadas, diretamente do baú da Loucadosperfumes…

Outro dia, mexendo lá no fundo do armário, encontrei um perfume que me trouxe lembranças. Boas e saudosas. Encontrei um já descascado frasco de um perfume da Paris Elyseés, chamado Acapulco Love. Coisa do Chaves, não parece? Mas não. É o perfume que me fez lembrar de minha avó.

Imagem

Faz tempo, eu tinha algo entre 15 e 17 anos. Minha mãe trabalhava o dia todo e eu, quando não na escola e estava em casa ajudava nos afazeres e cuidava de minha avó, que já era idosa e volta e meia ficava adoentada e impossibilitada de sair da cama. Antes mesmo de eu nascer ela sofreu uma fratura no fêmur que em muito dificultou sua locomoção. Andava, mas com dificuldades e de bengala.

Minha avó era uma italiana da região de Trento – divisa da Itália com a Áustria – pequena, magra, que sofreu os horrores da 1° Guerra Mundial, perdeu a mãe ainda bebê, foi criada pelas tias, comia ração de pão e nozes e gritou quando reviu o pai, por ele estar fardado e portando um fuzil. Tinha medo dos soldados… Mas era animada! Pra frente, sem preconceitos, passeadeira! Quando jovem sua madrasta dizia que tinha que mudar de bairro pois não havia mais rapazes pra ela namorar! Ganhou o concurso de cabelo mais bonito da Dois Córregos e escrevia contos de amor… Mas era bem birrenta quando queria, viu…

Imagem

No Natal deste mesmo ano, eu tinha ganho de minha mãe um pequeno tesouro perfumado: 3 perfumes da Paris Elyseés, marca de contratipos que na época, era o máximo que eu podia ter. Um dia voltando da escola passei em uma perfumaria perto de casa, e lá eu vi outro perfume desta marca, o tal Acapulco Love. Caixa em tons de rosa, verde e detalhada em dourado. Frasco piramidal, vidro fosco, tampa prateada em forma de leque. Daqueles florais frutais docinhos, com algo de cheiro de bebê.

Me apaixonei… mas como dizer que eu queria mais um frasco de perfume? Poxa vida, já tinha ganho 3… Mas vó é vó. Ela logo percebeu que eu estava desejando algo. Perguntou, perguntou, e quando eu disse o que era, ela afirmou que meu avô já dizia que “mais valia um gosto de 10 mil réis no bolso”. Disse para eu pegar o valor do perfume na bolsa de mão azul marinho que ela usava e onde guardava o dinheiro de sua aposentadoria. Lembro até hoje do valor: R$ 13,90! Depois de fazer ela prometer mil vezes que não sairia da cama enquanto eu fosse na perfumaria, corri. Subi até lá ansiosa, feliz, ia ter o perfume!

Voltei pra casa carregando aquele tesouro que até hoje está entre meus frascos. Na verdade, está separadinho, num lugar só dele, e quando cismo dou umas borrifadinhas do tesourinho cor-de-rosa.

E tal lembranças são suas, minha querida vovó Gina, que já nos deixou faz um tempo…

Anúncios

18 comentários sobre “Lembranças Perfumadas, diretamente do baú da Loucadosperfumes…

  1. Diana,adorei o que voce escreveu!Voce passa para o “papel”, a emocao que voce esta sentindo, fazemdo com que dela tbem:-)participemos.Parabens, linda, doce e perfumada menina.Bjos. Marilena.

  2. Que bonito de ler! Isso é uma verdadeira relíquia numa coleção, Di. Minha vózinha também era um mimo, muito querida! Saudades…
    E não duvido nada da beleza dos cabelos de sua avó. Coisa de família porque o seu é lindão!

    • Me envolvi tanto escrevendo esse texto, Li… mil lembranças e saudades… Minha avó nunca teve o cabelo longo, o mantinha na altura dos ombros e pintava de preto azulado com o finado Tablete Santo Antônio. Mas era lindo….

  3. eu tenho esse perfume no final ,estou tentando encontrar mas não acho gostaria muito de comprar outro ,tbm tenho lembranças boas. sou daqui de santos sp

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s