Jasmin et Cigarette, Etat Libre d`Orange

Em um certo grupo de admiradores de perfumaria do Facebook, aos domingos, o generoso Daniel Barros – consultor da Ego in Vitro – realiza gincanas. Os prêmios sempre são perfumes de qualidade indiscutível. E numa dessas, tive a sorte de ser premiada com o exótico Jasmin et Cigarette, da Etat Libre d`Orange.
J et C (podemos chamar assim?) é estonteante. É perfume de coisas novas (a princípio), e explico o motivo. Logo que passei senti o cheiro se chá preto. Não feito, fumegante na xícara. É o aroma de quando abrimos a caixinha, da planta seca e triturada, aromática, convidativa.
Logo foi envolta em uma nuvem de jasmins frescos, recém desabrochados. Ainda não maduros, pouco animálicos, cheiro de jasmim-verde, jasmim-menino, que ainda não cresceu. Junto com tal jasmim-infante, vem cheiro de cigarro. Fumaça? Não. Quem fuma ou convive com fumantes vai entender: sabe quando a gente acaba de abrir o maço? Aquele cheiro de tabaco, papel, da caixinha dos cigarros.
E tem damascos secos nele. Desidratados, porém macios, carnudos, de doçura sutil.
Sem timidez ou indecisões, J et C cresce. Fica adulto assim de repente, perde a inocência infantil sem nem sequer passar pela adolescência. Num passo está mulher/homem feito.
De repente o chá está pronto, morno, com um torrão de branco açúcar derretendo preguiçosamente no fundo da chávena. O cigarro está aceso e foi dada a primeira baforada. O jasmim está pleno e cheio de malícia disfarçada em pétalas pequenas e brancas. Florzinha mais desavergonhada esta! Veste-se de noiva e comporta-se como vedete…|
 
O damasco virou exótica torta temperada com cominho e fava-tonka. E ainda está presente nesta mesa um aroma verde penetrante e seco, gramíneo, familiar e estranho ao mesmo tempo: feno! Feno e alfafa, leve cheiro de pasto…
J et C é uma linda e ousada obra da perfumaria! Tem uma dualidade claro-escuro bem interessante: é fresco e limpo, é obscuro e lascivo. É a cara da Marlene Dietrich!
Foi criado em 2006 por Antoine Maisondieu, e suas notas são: jasmim, damasco, fava-tonka, tabaco, almíscar, cedro, feno, cominho, âmbar.
Uma recomendação: quer saber qual é o perfume certo para você? De acordo com seus gostos e personalidade? Eis o serviço prestado pela Ego in Vitro! Vale a pena conhecer!

 

Anúncios

6 comentários sobre “Jasmin et Cigarette, Etat Libre d`Orange

  1. Nossa, que experiência olfativa! Todas essas notas tão díspares devem revelar um perfume único! Daniel é show mesmo, estou esperando terminar a consultoria que ganhei para fazer um post de respeito sobre a ego in vitro. Curiosei pra ontem.

    • Carla,uma experiência e tanto! Como pode, combinar tabaco e fumacinha sutil de cigarro de boa qualidade e feno? Pois deu certo viu… Eu vou resenhar todos que recebi da Ego, dando os devidos créditos, claro!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s