Pink Sugar, Aquolina

Quem morou em SP nos anos 90 deve se lembrar daquelas lojas de bonitas e tentadoras balas a granel, dispostas em tubos de acrílico que tinha nos shoppings (era a Sweet Factory?). Pink Sugar nos faz mergulhar de cabeça, e sem chances de retorno, em uma dessas lojas.  A marca italiana Aquolina lançou a fragrância absolutamente gourmand em 2004.
Ao mesmo tempo inocente e sensual, Pink Sugar dá vontade de morder! Algodão doce, pirulitos, jujubas, caramelos e balas toffee, todos juntos em um vidro cilíndrico rodeado de faixas cor-de-rosa.
É uma explosão de delícias inebriantes!
Notas de saída: folhas de figo, framboesa, bergamota
Notas de coração: cerejas, algodão doce, lírio do vale
Notas de fundo: baunilha, caramelo, musk
Pink Sugar é surpreendente e delicioso! Juvenil? Sim. Doce de melar os sentidos? Sim. Alguns podem considerar enjoativo, mas apesar de ser um perfume linear e sem grandes evoluções, logo suas notas mais fortes esmaecem na pele e fica o confortável e nostálgico cheiro de parque de diversões! Tão gostoso que dá vontade de comer!
Acho que o popular Egeo Dolce bebeu muito na fonte do Pink Sugar, mas não acertou na perfeição gustativa que a Aquolina conseguiu.
Anúncios

6 comentários sobre “Pink Sugar, Aquolina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s