Lampião

Virgulino Ferreira da Silva, o Lampião, também conhecido como “O Rei do Cangaço”, não era um matuto desajeitado como muitos pensam!

O historiador Frederico Pernambucano de Melo, conta que Lampião usava o cabelo untado de brilhantina e tomava banho de perfume francês, Fleur d’Amour, da maison Roger & Gallet. A fragrância foi criada em 1904. Gostava tanto do perfume que passava também nos cavalos. Porém, algumas fontes citam que Lampião usava mesmo era  Chanel nº5…

Imagem

Usava lenços de seda no pescoço e apresentava um cartão de visitas com sua foto, o que só os endinheirados tinham. E andava de carro. Possuía um lendário relógio Patel Phellipe de ouro, com corrente, para ser usado no bolso e importado da Suíça. A marca Patek já era, e ainda é, uma das mais prestigiosas e caras. Desde 1902, os ricos brasileiros compravam seus Patek em 79 parcelas de 10 francos suíços, em consórcios conduzidos por uma joalheria carioca de nome Gondolo & Labouriau. Se era roubado, aí já é outra história…

Ele ainda era obcecado por luxos, novidades estrangeiras, pela própria aparência, e costumava exagerar. Fã de uísque White Horse e licor de menta francês, ia pelo sertão com botões de ouro no casaco e todo cheiroso! Sorte da Maria Bonita!

Ironicamente, exisita a tal Perfumaria Lopes, localizada na Praça Tiradentes – RJ, que em 1931 e em 1932 anunciou que pagaria 50 contos para quem prendesse o cangaceiro (http://lampiaoaceso.blogspot.com.br/)!

 

7 comentários sobre “Lampião

  1. Di, sério que lampião era tão perfumoso assim…rsrsrs e naquele calor! Adorei saber um pouco mais sobre essa figura tão marcante do nosso Brasil, jamais passaria pela minha cabeça que Lampião era tão vaidoso assim.Beijosss

    • Valéria Miranda, como pesquisadora do cangaço devo lhe falar que isso não acontecia com frequência, era vida no cangaço era dura,eles passavam muitos dias sem tomarem banho,ele usou sim o perfume fleur’s de amor, mas não era com Frequência, eles também usavam casablanca ou madeira do oriente,isso só quando podiam,eles só tomavam banho quando encontravam açudes ou minação d’agua, eles usavam esses perfumes para disfarçar o mau cheiro,mas isso não traz uma boa combinação, quando os cangaceiros atravessaram o Sertão da Bahia, uma moradora os viu e disse que eles pareciam mais uns mulambentos do que bandidos perigosas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s