50 Perfumes Descontinuados, por Ego in Vitro

Atire a primeira pedra, fã da arte da perfumaria que não chora por um perfume que não é mais produzido! Todos nós sentimos a ‘perda’ de um perfume querido que foi descontinuado.

Mas porque isso acontece? São diversas as possibilidades. Segundo o texto, ‘pode ser por rejeição do público, baixas vendas e alto custo de produção’. Outra coisa, ‘a perfumaria está muito ligada à saúde e, por isso, sofre inúmeras restrições. Uma fragrância é aplicada na pele e, assim, absorvida. O maior risco que a IFRA (Associação Internacional de Fragrâncias) quer evitar com suas regulamentações é o das dermatites de contato. Matérias-primas naturais ou sintéticas perigosas sofriam menores restrições no passado, o que propiciava a um perfumista maior liberdade de criação. Novas normas aparecem a cada ano e as casas de fragrâncias recebem um prazo de 10 anos para encontrar um equivalente (natural ou sintético). Perfumaria é um negócio como qualquer outro, então uma decisão tem de ser tomada: reformular ou descontinuar’.

Amigas e amigos, nos resta buscar os queridinhos desaparecidos nos mercados virtuais, em grupos de trocas e vendas e em perfumarias escondidas de sua cidade, ás vezes temos sorte! E preparar o bolso, pois perfumes descontinuados se tornam raros e cobiçados. A maioria das vezes o preço é alto.

E você, por qual chora?

Leia a seleção dos 50 Perfumes Descontinuados aqui.

Anúncios

7 comentários sobre “50 Perfumes Descontinuados, por Ego in Vitro

  1. Esse sempre foi meu choro, né? Mas fui realizando…Acho que acima de tudo que foi citado há a adequacão à moda, ao momento. Como pra mim tudo que é bom é atemporal, então…

  2. Eu faço o possível pra tentar garimpar formulações anteriores dos perfumes que gosto. Pois muitas vezes o perfume em si não é descontinuado, mas é reformulado. Principalmente os da Dior. O Dolce Vita atual é muito diferente do antigo, da década de 90. O vintage tem mais especiarias e é bem mais amadeirado. O Dior Addict de 2002 também é diferente do atual, com uma baunilha mais intensa e bastante incenso e menos verde na saída do que o de 2014.

    Por outro lado a reformulação do Samsara EDP eu achei boa, muito boa. Tenho um frasco vintage e um frasco atual, não sinto muita diferença.

    Queria muito que voltasse o Nu Ysl EDP. Seria meu perfume assinatura caso fosse fácil de encontrar.
    Tenho dó de usar o meu frasco do Shiraz da Natura. Não entendo por que a Natura descontinua um clássico amado como o Shiraz e vive lançando águas de chuchu pra depois serem descontinuados também.
    Choro pelo Midnight Poison, tive um frasco mas acabou e o preço está absurdo.
    Queria também de volta a versão extrato do Chloe Narcisse, tenho um vidrinho de 7.5ml, lindo, e ele não se compara ao EDT vendido hoje.

Deixe uma resposta para Pensamentos de uma Geovana Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s