Les Orientaux: Musc, Molinard

67498W

Está friozinho em SP! Aquele de outono, com solzinho morno! E as noites estão lindamente frias! Dá vontade de tomar vinho, chocolate quente, ficar embaixo das cobertas… E ainda posso usar meus perfumes mais fortes sem causar desordens nos locais públicos…

Les Orientaux: Musc, é para ser usado com moderação ou torna-se um monstro. Tem nele algo da selvageria do Muscs Koubai Khan, do Serge Lutens – aquela coisa animálica, quente, sensual, sujinha – misturada a notas gustativas e adocicadas, que aparecem depois de algumas horas de uso.

Como no KK do Sr. Lutens, o Musc da Molinard ‘amansa’: de indomável se torna selvagem, de selvagem fica arisco, e com as horas de convívio até mesmo mostra facetas doces. É aquele gato arisco que com o tempo se acostuma com o dono e as vezes até deixa pegar no colo. Recebe carinhos breves, mas nunca se deitará de barriguinha pra cima fazendo charme e pedindo atenção…

Suas notas olfativas oficiais me confundem. Sinto sua pirâmide toda desordenada. Minha percepção: abre com almíscar bruto, aquela coisa entre o doce e o sujo, o atraente o o repulsivo. Depois de algumas horas aparecem a tonka e a baunilha para adoçar a vida de quem está usando o perfume. Sinto ainda ambrette, o chamado ‘almíscar vegetal’, que conheci enquanto matéria prima em uma vista ao Dênis Pagani. Se não me engano, pertencia a uma amiga em comum que também estava nessa visita, a Careimi

Lá no final aparece tímido o sagrado sândalo, envergonhado em meio a tantos aromas profanos, gulosos e carnais. As avelãs  citadas nas notas oficiais aparecem junto com o sândalo: os dois, de mãos dadas trazendo algo leitoso, farinhento.

Notas de saída: avelãs.

Notas de coração: sândalo, baunilha.

Notas de fundo: almíscar, cumarina.

Foi criado em 1995 e é de excelente custo-benefício, como a maioria dos perfumes da Molinard.

Agora vou fazer jus ao nome do blog, aloucadosperfumes vai dizer o que acha de verdade: misture com o Koubai Khan do Lutens um pouco do Bal a Versailles e um pouco do Chocolovers da Aquolina. Agora chacoalha pro bicho ficar bravo e depois dá uma aguadinha na mistura. Vai explodir? Vai. Moderem nas borrifadas.

Imagem

Imagem retirada daqui: http://www.caliandradocerrado.com.br/2012_04_01_archive.html

 

 

Anúncios

3 comentários sobre “Les Orientaux: Musc, Molinard

  1. Namoro Molinards a tempos, e realmente, o custo benefício é uma lindeza!
    Mas esse bichinho deve dar um calor!!!! Adoro musc pronunciado, curiosei muito com ele. Um dia topo com uma amostra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s