Daisy, Marc Jacobs

Daisy, Daisy… seu frasco tão bonitinho encerra um perfume tão tolinho… Essa foi minha primeira impressão.

Ele nasceu lá em 2007 e ‘inaugurou’ a categoria de perfumes com pinta de brinde do Lanche Feliz da grife Marc Jacobs (falei de outros perfumes da marca aqui e aqui).

A proposta da marca foi criar um perfume jovem com um toque de elegância e isso de fato foi alcançado! Que bom ver um perfume direcionado ao público juvenil sem ser coberto de frufrus cor-de-rosa ou cheirando a pirulito e frutinhas enjoativas! Isso é louvável no Daisy!

E no final das contas, ele me faz pensar em outro perfume que eu particularmente gosto muito: o Beauty, da Calvin Klein. Eu diria que o Daisy é a versão ‘mirim’ dele…

Enfim, chega de divagações e vamos ao perfume: ele inicia com notas frutais bem agradáveis, cremosas e refinadas! Tem um breve azedinho, coisa de fruta fresca, recém cortada.

Logo surgem flores, tem aqui gardênia e jasmim discretíssimos. Tão discretos que chegam a perder a personalidade. Nada de orgânico ou animálico aqui, só aquela faceta ‘achicletada’, emborrachada e de dulçor ceroso das flores brancas. A violeta é graciosa, empoada e levemente doce. Doce de flor, não de bombonière.

E aí temos quantidades imensas de almíscar com cheiro de amaciante de roupas, aquela coisa limpinha, fofinha, clarinha! Tem umas notas amadeiradas que também trazem esse aspecto de roupa lavada.

Tem baunilha? Tem sim senhor! Mas é bem delicada e com nuance atalcada, nada gourmand.

Daisy tem pontos positivos e negativos. É elegante, é confortável, se adequa a qualquer ambiente, não fala mal de ninguém. Na verdade tem mais aspectos positivos que negativos, visto o atual leque de lançamentos direcionados ao público jovem…

Ele é uma mocinha ainda sem personalidade formada, ainda testando possibilidades e formando opiniões. Tem futuro a menina Daisy, Rainha da Primavera do Baile Escolar!

Notas de saída: morango selvagem, folhas de violeta, grapefruit vermelho.
Notas de coração: pétalas de gardênia, violeta, jasmim.
Notas de fundo: almíscar, infusão de baunilha, madeiras brancas.

красиво, чёрно-белое, глаза, цветы, веснушки, гранж, волосы, хипстер, фотография, подросток, юноши, прикосновение, Tumblr

Fonte da imagem: http://favim.ru/image/2622922/

Anúncios

4 comentários sobre “Daisy, Marc Jacobs

  1. Olá Diana,
    Eu comprei esse perfume no escuro e, AMEIIII….
    Ele não é um doce enjoativo e, na minha opinião, pode sim ser elevado a algo mais do que rainha do baile escolar, rsrsrs….
    Perfume delicado, daqueles que dá vontade de ficar cheirando por um bom tempo…
    Os frascos dessa marca, prá lá de belos e românticos…
    Um abraço.

    • Ele é gostosinho sim! A mocinha que começar com ele e não com os atuais frutadinhos;docinhos dedicados a sua faixa etária irá longe no mundo perfumado! Mas claro, perfume não tem idade, veja só, minha mãe tem 77 anos e usa Miss Dior Chérie! Foi só uma analogia da minha cabeça mesmo!
      Quanto ao frasco, o do Daisy é sim bonito, mas os demais do MJ já são bem kitsch né?
      Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s